Ensino

Mestrado Integrado em Engenharia Informática

Mestrado Integrado em Engenharia Informática é um ciclo de estudos integrado  (3+2=5 anos) orientado para a formação de Engenheiros habilitados a intervir nas áreas da Engenharia Informática e das Tecnologias da Informação, compatível com os princípios de Bolonha. 

Somos pioneiros no ensino da Engenharia Informática em Portugal. O MIEI assenta na nossa experiência, acumulada em 40 anos, no ensino da Engenharia Informática, complementada com a opinião de consultores externos académicos e empresarais, e consubstancia uma visão actualizada sobre a formação do Engenheiro Informático de concepção, preparado para enfrentar desafios de realização e inovação.

Em abril de 2017 o curso foi avaliado pela Ordem dos Engenheiros, tendo daí resultado a concessão, em julho de 2017,  do selo de qualidade EUR-ACE® por 6 anos; esta certificação é atribuída pela ENAEE (European Network for Accreditation of Engineering Education) .

 

O 1º ciclo concede o grau de Licenciatura em Ciência e Engenharia Informática, o qual permite uma primeira certificação e mobilidade, ao qual se sucede o 2º ciclo, que completa a formação a nível de engenharia de concepção, certificada com o grau de Mestrado em Engenharia Informática e com acesso à acreditação de nível E2 pela Ordem dos Engenheiros

  • 1º ciclo (3 anos) concede Licenciatura em Ciência e Engenharia Informática

  • 2º ciclo (2 anos) conclui o Mestrado Integrado em Engenharia Informática

Podem candidar-se directamente ao 2º ciclo do MIEI (4º ano) titulares de cursos de 1º ciclo na área da Engenharia Informática ou equivalente, com vista à obtenção do grau de Meste em Engenharia Informática.

 

Comissão Científica do MIEI

 

Comissão Pedagógica do MIEI

  • Professor Pedro Medeiros
  • Professora Fernanda Barbosa
  • Estudante António Silva (4º ano)
  • Estudante Catarina Matos (2º ano)
  • Estudante Maria Nogueira (3º ano)
  • Estudante Vítor Menino (1º ano)

Email dos estudantes da Comissão Pedagógica: cpmiei@ae.fct.unl.pt

 

Secretariado

 Anabela Duarte

Regras de Acesso 2017/18

Número de vagas: 170 

Provas específicas

Um dos seguintes conjuntos:

19 Matemática A ou

04 Economia + 19 Matemática A ou

07 Física e Química + 19 Matemática A

Classificação mínima na(s) prova(s) específica(s): 95

Classificação mínima na candidatura: 95

Fórmula de ingresso:

60% da classificação final do Secundário
40% da classificação final na(s) prova(s) específica(s)

Nota do último colocado

2016/17: 151

2015/16: 146

 

Plano de estudos